Fnac inaugura primeira loja no Alentejo

A Fnac inaugura esta quarta-feira a primeira loja na cidade de Évora. É já a 28ª loja em Portugal e terá mais de 800 metros quadrados. Fica a 4 minutos do centro da cidade.

A Fnac vai inaugurar esta quarta-feira a primeira loja na zona do Alentejo. Évora foi a cidade escolhida para receber aquela que é a 28ª loja Fnac em Portugal, numa altura em que a marca continua com a sua política de expansão a nível nacional.

É para o “Centro Comercial Évora Plaza” que os alentejanos vão ter de se dirigir a partir do dia 22 de novembro. No dia em que o centro comercial é inaugurado, os evorenses vão poder assistir também à abertura da primeira loja ‘alentejana’ da Fnac, que espera receber todos os 145 mil habitantes da região, avança a empresa em comunicado.

A loja vai assentar num conceito de “Proximidade” e vai ter uma área total de 865 metros quadrados, localizando-se a 4 minutos de distância do centro da cidade. O conceito não vai distanciar-se do habitual nas grandes cidadesfnac, disponibilizando a todos os normais produtos de livraria e papelaria, novidades em música e entretenimento e tecnologia, com especial foco na inovação.

A “Clínica Fnac Express” vai estar também disponível a todos, para reparar e diagnosticar problemas nos aparelhos eletrónicos. Como forma de comemoração, os clientes vão ter a oportunidade de aderir ao cartão Fnac de forma gratuita, até 21 de dezembro, com uma oferta de adesão de 15 euros em cartão.

O Centro Comercial Évora Plaza abre ao público esta quarta-feira e espera receber visitantes não só alentejanos, mas também espanhóis.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Fnac inaugura primeira loja no Alentejo

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião