BE vota a favor do OE mas espera que PS não desiluda o país

  • Lusa
  • 26 Novembro 2017

Catarina Martins anunciou o voto favorável na votação final do Orçamento de Estado para 2018. Mas a líder do Bloco espera que o PS não desiluda o país com um "recuo nas rendas excessivas" da energia.

A coordenadora do BE anunciou hoje o voto favorável na votação final global do Orçamento do Estado para 2018 “com a atual configuração”, esperando que o PS não desiluda o país com um recuo nas “rendas excessivas” da energia.

“O Bloco de Esquerda, com a atual configuração, com o orçamento como ele está, com o que foi votado até sexta-feira e portanto com todas as medidas que lá estão, naturalmente considera que é um orçamento que faz alguma evolução e a Mesa Nacional decidiu votar favoravelmente o orçamento na votação final global”, disse Catarina Martins em conferência de imprensa, após a reunião do órgão máximo do partido entre convenções.

No entanto, a coordenadora do BE voltou a manifestar a preocupação com a avocação pelo PS da medida, proposta pelos bloquistas e que sexta-feira tinha sido aprovada, de combate às “rendas excessivas das elétricas”.

Catarina Martins acrescentou esperar que os socialistas não sejam o “velho PS” que “cede às pressões e aos lobbies poderosos da energia”, o que seria uma “desilusão para todo o país”.

Na opinião de Catarina Martins, o OE2018 cumpre “no essencial os compromissos assinados 2015” entre o Bloco de Esquerda e Partido Socialista e faz “uma recuperação de salários e pensões”, mas condenou que continue “a apresentar muitas limitações” uma vez que o Governo mantêm a “inflexibilidade de colocar a renegociação da dívida em cima da mesa”.

“A recusa do Governo em colocar esta questão do ponto de vista europeu continua a colocar limitações muito significativas”, criticou.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

BE vota a favor do OE mas espera que PS não desiluda o país

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião