Oman Oil fica só com 12% da REN depois do aumento de capital

  • Lusa
  • 14 Dezembro 2017

A redução da participação na REN acontece depois do aumento de capital que a REN fez para financiar a compra da EDP Gás.

A Oman Oil Company reduziu a participação indireta na REN, passando a deter 12% do capital social e dos direitos de voto da energética. Isto depois do aumento de capital de 250 milhões de euros que a REN concluiu na semana passada, com o objetivo de se financiar para concluir a compra da EDP Gás.

Em comunicado enviado esta quinta-feira à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a REN – Redes Energéticas Nacionais informa “ter recebido, no dia 13 de dezembro de 2017, a comunicação por parte da Oman Oil Company, informando que reduziu a sua participação qualificada indireta de 15% para 12% do capital social dos direitos de votos”.

De acordo com a informação enviada ao mercado, a participação é imputável “à sociedade Mazoon, como titular direta, à sociedade Oman Oil Holding Europe, à Oman Oil e ao Sultanato de Omã. A Mazoon. é uma subsidiária integralmente detida pela Oman Oil Holding Europe, que, por sua vez, é integralmente detida pela Oman Oil, sendo esta última integralmente detida pelo Governo do Sultanato de Omã”.

A REN refere ainda que o número total de direitos de voto da Oman passa a ser 667.191,262.

Comentários ({{ total }})

Oman Oil fica só com 12% da REN depois do aumento de capital

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião