A tarde num minuto

  • Rita Frade
  • 26 Janeiro 2018

Não teve tempo de ler as notícias esta tarde? Fizemos um best of das mais relevantes para que fique a par de tudo o que se passou, num minuto.

A Google e a Amazon continuaram em destaque durante esta tarde de sexta-feira. Dados divulgados pelo Banco Central Europeu revelaram também que, em dezembro, o crédito habitação superou os empréstimos que venceram naquele mês.

A Google é mais recente gigante a dizer que vai instalar um hub digital em território nacional, neste caso em Oeiras, mas não está sozinha. Conheça as multinacionais que elegeram Portugal como o melhor local para desenvolver a sua tecnologia ou instalar serviços e os argumentos.

A banca está a apostar em força no crédito habitação. Essa realidade é de tal ordem que, em dezembro, o novo crédito concedido com esse fim mais do que superou os empréstimos que venceram naquele mês. É algo que já não acontecia desde 2015.

O investimento empresarial deverá ter aumentado 5,5% em 2017. Em 2018, os empresários querem continuar a investir, mas preveem uma desaceleração para 3,7% num ano em que o próprio Governo estima um abrandamento da economia.

O presidente executivo da EDP, António Mexia, defendeu que a “inovação da eletrificação não pode esbarrar em nenhuma burocracia” e disse que no seu novo mandato quer continuar a “trazer o futuro para o presente”.

No Fórum Económico Mundial, Benoit Coeuré, membro do conselho de governadores do Banco Central Europeu (BCE), garantiu que as moedas digitais estão na agenda internacional e deverão ser discutidas no encontro dos G20, que terá lugar na Argentina, em março.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

A tarde num minuto

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião