Atrasos na Carris: semáforos vão deixar passar autocarros atrasados

  • ECO
  • 26 Janeiro 2018

Numa tentativa de reduzir o número de automóveis na cidade e os atrasos da Carris, a Câmara vai implementar um sistema em que os semáforos vão deixar passar os autocarros que circulem atrasados.

A pontualidade e a regularidade são os principais motivos de queixas recebidas pelos utilizadores da Carris na zona de Lisboa. Numa tentativa de reduzir as queixas recebidas, a Câmara Municipal de Lisboa decidiu avançar com medidas que dão prioridade aos autocarros que estão a circular com atraso. A ideia passa por tornar um semáforo verde, quando este detetar, através de um sensor, que os autocarros estão atrasados. críticas do Automóvel Clube de Portugal (ACP)A medida já mereceu as , que considera que isto só virá agravar o trânsito na cidade.

Numa primeira fase do projeto, a medida vai ser implementada já no próximo mês, no eixo central de Lisboa — entre a zona de Entrecampos e o Marquês de Pombal, e um dos objetivos é reduzir o número de automóveis nas ruas da cidade e melhorar a pontualidade do serviço, avança o Diário de Notícias. Através de um sensor instalado nos semáforos, estes vão ser capazes de reconhecer quando um autocarro da Carris circula com atraso, e mudarão para verde, permitindo a sua passagem e, consequentemente, recuperar algum tempo perdido”, disse. Esta medida vai ser possível graças ao sistema Gertrudes — o mesmo que controla o tráfego de Lisboa e a sincronização dos semáforos.

Para além desta medida, desde novembro está em prática uma outra que visa aumentar a cooperação entre a Carris, a Polícia Municipal e a Câmara de Lisboa, para haver um maior controlo sobre o tráfego, evitando situações em que os automóveis estacionam nas faixas de BUS, impedido a sua circulação e, consequentemente, atrasos.

Sabemos que temos de reduzir os carros na cidade de Lisboa, para isso o transporte público tem de ter qualidade. Quando perguntamos às pessoas o que querem ver alterado referem a pontualidade e a regularidade. E, para isso, temos de ter estabilidade nos tempos de percurso”, explicou o vereador responsável pelas áreas da mobilidade e segurança na autarquia, Miguel Gaspar, em declarações ao DN. Numa próxima fase do projeto, este avançará, provavelmente, para a Estrada de Benfica.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Atrasos na Carris: semáforos vão deixar passar autocarros atrasados

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião