Pipedrive quer chegar aos 100 colaboradores em Portugal até ao final do ano

  • ECO
  • 26 Janeiro 2018

Líder executivo da Pipedrive considera que equipa de que a startup dispõe em Lisboa é um "pilar forte" do trabalho. Até ao final do ano, empresa estónia quer contar com 100 colaboradores, em Lisboa.

Há menos de um ano em Portugal, a Pipedrive está satisfeita com a sua expansão para terras lusitanas… tanto que a startup insiste no desejo de chegar aos 100 colaboradores na capital portuguesa, durante este ano. A empresa volta a sublinhar esse objetivo, no momento em que anuncia a concretização de um novo marco no seu negócio: ultrapassou os 70 mil clientes empresariais em mais de 170 países.

A Pipedrive oferece um software de vendas focado nos comerciais de empresas em crescimento. Em Portugal, a startup estónia, fundada em 2010, tem escritórios no Atrium Saldanha, em Lisboa, e faz um balanço positivo dos seus meses na capital. “A empresa continua a crescer localmente as operações e oferece condições atrativas para engenheiros e equipa de apoio ao cliente”, assinala a companhia em comunicado.

“É um orgulho termos alcançado o marco dos 70.000 clientes e um testemunho da nossa fenomenal equipa em todo o mundo”, reforça o líder executivo da empresa. Timo Rein considera também que a equipa de especialistas de que a Pipedrive dispõe na capital portuguesa “é um pilar forte e estratégico do trabalho, no que toca ao suporte fornecido e a capacitar as empresas ao nível das vendas”.

A Pipedrive ganhou o prémio de Melhor Empregador na Estónia em 2016. A startup tem escritórios em Tallin, na Estónia, em Nova Iorque, nos EUA, e em Lisboa.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Pipedrive quer chegar aos 100 colaboradores em Portugal até ao final do ano

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião