Portugal tem muita rede, mas fica para trás na velocidade da internet móvel

  • Juliana Nogueira Santos
  • 31 Janeiro 2018

A Open Signal dá conta de melhorias. Até lá, "os consumidores portugueses de 4G terão de se contentar com serviços abrangentes, mas de ligações que não são particularmente rápidas".

Ainda que ganhe pontos na disponibilidade de sinal, a internet móvel em Portugal fica para trás em relação aos outros países da União Europeia no que diz respeito à velocidade. Enquanto por terras nacionais, a média de download utilizando rede de quarta geração fica nos 19,1 megabits por segundo (Mbps), do outro lado da fronteira “baixa-se” a mais de 25 Mbps.

As medições são da Open Signal, uma analista de telecomunicações britânica, que apontou pela primeira vez a sua lupa ao estado das comunicações móveis em Portugal. Num relatório lançado esta segunda-feira com o título “Estado das Redes Móvel: Portugal”, a empresa analisou dados mais de 178 milhões de dados, recolhidos em mais de 18.880 aparelhos espalhados pelo país. No final conseguiu não só medir a velocidade como eleger a operadora mais satisfatória.

Mais disponibilidade, menos rapidez

A Open Signal aponta “boas e más notícias. Enquanto “o smartphone típico utilizado pelos portugueses consegue ligar-se a uma rede 4G em 71,4% das vezes”, um número que se compara à taxa do Reino Unido e ultrapassa França, Alemanha, Irlanda e Itália, a velocidade na capital do país também está em linha com os outros países. “Os operadores melhoraram os seus resultados nacionais com os da capital”, aponta.

Os problemas surgem quando nos afastamos de Lisboa. “Na velocidade 4G, Portugal fica atrás dos seus pares europeus”, com a média a ficar nos 19,1 Mbps. Em França, Irlanda e Reino Unido, a velocidade passa os 20Mbps, enquanto em Espanha atinge os 25 Mbps.

"Os operadores melhoraram os seus resultados nacionais com os da capital.”

Open Signal

Vodafone surge como a melhor operadora

Não podia existir contraste mais forte ente a Vodafone e as suas duas concorrentes na nossa medição de velocidade 4G”, lê-se no relatório. A Vodafone apresente assim uma velocidade média de 33,8 Mbps na rede de quarta geração, que é mais que o dobro da Nos (13,2 Mbps) e da Meo (14,1 Mbps).

"Não podia existir contraste mais forte ente a Vodafone e as suas duas concorrentes na nossa medição de velocidade 4G.”

Open Signal

A Vodafone conquistou a preferência dos analistas da Open Signal em cinco dos seis parâmetros analisados: velocidade de download 4G, velocidade de download 3G, velocidade de download geral, débito em 4G e débito em 3G. Em relação à disponibilidade de sinal, a Nos deu luta, tendo as duas operadoras merecido a medalha.

“À medida que começarmos a ver as atualizações de rede da Meo a serem implementadas, poderemos ver a velocidade média a aumentar significativamente, o que irá empurrar Portugal para os patamares superiores em termos de velocidade”, aponta a Open Signal. “Até lá, os consumidores portugueses de 4G terão de se contentar com serviços abrangentes, mas de ligações (à exceção de um operador) que não são particularmente rápidas.

Comentários ({{ total }})

Portugal tem muita rede, mas fica para trás na velocidade da internet móvel

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião