Faculdade de Direito promove Conferência sobre Direitos Humanos

A Escola de Lisboa da Faculdade de Direito da Universidade Católica Portuguesa e o Católica Research Centre for the Future of Law organizam o evento a partir das 15.00.

A Escola de Lisboa da Faculdade de Direito da Universidade Católica Portuguesa e o Católica Research Centre for the Future of Law organizam hoje, dia 14 de fevereiro, a partir das 15.00, uma conferência dedicada ao tema “Human Rights and Memory, Violence and the (re)construction of reality”.

Uma conferência que pretende apresentar o papel da memória no quadro da reconstrução de sociedades em regime de transição após a violação em massa de direitos humanos. Stephan Parmentier e Jeremy Sarkin são os keynotes speakers convidados.

Stephan Parmentier é professor de Direitos Humanos e Criminologia na Katholieke Universiteit Leuven (KU Leuven), coordenador do Research Line on Human Rights e Transitional Justice, Leuven Institute of Criminology (LINC). Secretário-geral da International Society for Criminology. Membro do Board do Oxford Centre of Criminology e do International Centre for Transitional Justice (Nova Iorque).

Jeremy Sarkin é Professor de Direito na University of South Africa e Professor Visitante Distinguido e membro do CEDIS na Universidade Nova de Lisboa. Prática de advocacia nos EUA e na África do Sul. Ex-presidente Relator das Nações Unidas, Grupo de Desaparecimentos Forçados ou Involuntários

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Faculdade de Direito promove Conferência sobre Direitos Humanos

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião