Partido deve conhecer primeiro o OE2019 e só depois anunciar voto

  • Lusa
  • 17 Fevereiro 2018

“Disse que o PSD é um partido sério, rigoroso e, portanto, só iria anunciar o sentido de voto depois de conhecer o documento”, disse Leitão Amaro.

O vice-presidente da bancada do PSD António Leitão Amaro defendeu este sábado que o anúncio do sentido do voto ao próximo Orçamento do Estado só deverá ser feito depois de se conhecer o documento, como tem sido prática dos social-democratas.

“O sentido de voto formalmente anunciado, é minha opinião que deve ser feito perante o documento apresentado”, afirmou António Leitão Amaro, em declarações aos jornalistas à entrada para o segundo dia do 37.º Congresso do PSD, que decorre até domingo, em Lisboa.

O sentido de voto formalmente anunciado, é minha opinião que deve ser feito perante o documento apresentado.

Leitão Amaro

Questionado sobre a posição hoje assumida pelo líder parlamentar social-democrata, Hugo Soares, de que o PSD deveria dizer já que vota contra o próximo Orçamento do Estado por ser “uma questão política essencial”, Leitão Amaro recordou o que disse há uns meses, à saída de uma reunião com o ministro das Finanças, Mário Centeno, quando o Governo apresentou as linhas gerais do documento do ano passado.

“Disse que o PSD é um partido sério, rigoroso e, portanto, só iria anunciar o sentido de voto depois de conhecer o documento”, lembrou, sublinhando que não mudou de opinião. Contudo, Leitão Amaro ressalvou ser pouco provável que a visão e escolhas da ‘geringonça’ mude no último dos Orçamentos dos Estado da legislatura.

“Não creio que António Costa vá mudar agora”, afirmou, acusando o Governo de ter uma política orçamental toda virada para o consumo interno.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Partido deve conhecer primeiro o OE2019 e só depois anunciar voto

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião