Investimento público. Bloco não “sente necessidade” de diálogo com PSD

  • ECO e Lusa
  • 26 Fevereiro 2018

Em Leiria para as jornadas parlamentares do Bloco de Esquerda, Catarina Martins sublinhou que o partido "não sente necessidade de um diálogo" com o PSD sobre o investimento público.

É ou não bem-vindo o PSD à discussão sobre investimento público que se tem feito à esquerda? “O Bloco de Esquerda não sente qualquer necessidade desse diálogo”, assegurou, esta segunda-feira, Catarina Martins, quando questionada pelos jornalista à margem das Jornadas Parlamentares do Bloco. Em Leiria, a coordenadora nacional do partido sublinhou ainda que se tem ficado “aquém do que é possível”, no que diz respeito ao investimento público, nos Orçamentos do Estado.

Questionada sobre o impacto da possível aproximação do PSD ao PS, Catarina Martins respondeu secamente, em declarações transmitidas pela RTP3, que “mais importante do que debater reuniões, encontros ou desencontros [com os laranjas], é debater propostas políticas concretas”.

A coordenadora do BE defendeu que só um acordo à esquerda “pode permitir opções de investimento público que combatam os problemas estruturais da economia portuguesa”. Martins deixou igualmente um aviso: “Se um acordo à esquerda permitiu uma recuperação de salários e pensões, algum crescimento económico e criação de emprego também só um acordo que seja com a esquerda pode permitir opções de investimento público que combatam os problemas estruturais da economia portuguesa, nomeadamente combatam os setores rentistas, o endividamento externo, a assimetria do território e o défice social que tem o nosso país”.

No discurso desta segunda-feira, a bloquista escolheu ainda frisar que a “ferrovia pode ser o motor da reconversão energética do país”, isto é, o investimento nas linhas férreas pode, segundo a política, ser sinónimo do combate ao aquecimento global, bem como da diminuição do endividamento externo e diminuição das assimetrias do território nacional.

Esta terça-feira, o ministro do Planeamento e das Infraestruturas vai encontrar-se com uma delegação do PSD. Esta será a primeira de várias reuniões que têm como objetivo encontrar consensos entre os laranjas e o Executivo. Até ao verão, Rio e Costa esperam ter dois acordos fechados.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Investimento público. Bloco não “sente necessidade” de diálogo com PSD

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião