Casamento à vista. Nissan e Renault preparam fusão

Fabricantes automóveis Nissan e Renault estão a preparar a sua fusão e a criação de uma marca única. A notícia divulgada, esta quinta-feira, fez disparar os títulos da francesa.

As gigantes Renault e Nissan estão a preparar a sua fusão e a consequente criação de uma única fabricante automóvel. As negociações estão a ser lideradas por Carlos Ghosn, chairman de ambas as marcas, e prometem fazer substituir a atual aliança por um verdadeiro casamento. A notícia anunciada, esta quinta-feira, fez as ações da francesa dispararem 6%.

Atualmente, a Renault detém 43% da Nissan, que por sua vez é dona de 15% da sua contraparte francesa. A concretizar-se o acordo em discussão, os acionistas da Renault e da Nissan receberão títulos equivalentes na nova companhia, explica a Bloomberg. Já no que diz respeito à localização da sede da nova marca, Japão e França manter-se-ão os países escolhidos.

Fechar o casamento não será, contudo, tarefa fácil, explicam fontes próximas das empresas ao mesmo jornal britânico. O negócio terá de ser aprovado pelos Governos nipónico e francês, sendo este último detentor de 15% da Renault, o que pode complicar a decisão (já que França pode não querer perder o controlo ou ver a sua participação diluída). Talvez por isso, depois de vários meses de conversações, ainda não se conseguiu chegar a uma decisão final. Ambas as partes recusaram comentar os rumores.

Recorde-se que no início do mês a Reuters tinha anunciado que a Nissan estava a tentar comprar a participação do Estado francês na Renault. Isto pouco depois de Ghosn ter sublinhado que o Japão não aceitaria uma ligação mais próxima entre as marcas, se a França se mantiver como acionista da fabricante em causa.

O chairman, que assumiu como missão consolidar a aliança entre as fabricantes, salientou, no entanto, que não estava a tentar convencer o Estado francês a reduzir a sua participação. Ghosn disse, em fevereiro, que as companhias em causa iriam desenhar um plano para fazer do atual elo “irreversível”.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Casamento à vista. Nissan e Renault preparam fusão

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião