Tesla na falência? Era 1 de abril, mas Wall Street não perdoa brincadeira de Musk

  • Rita Atalaia
  • 2 Abril 2018

Investidores não acharam muita piada à brincadeira de Elon Musk no dia das mentiras. Ações da Tesla estão a cair mais de 6% depois de o CEO ter dito que a empresa declarou falência.

Os investidores não acharam muita piada à brincadeira de Elon Musk no dia das mentiras. O líder executivo da Tesla disse que a empresa tinha entrado em falência, o que não era verdade. As ações da empresa estão a cair mais de 6%, depois de terem caído 12% na semana passada. Isto num arranque de semana que está a ser marcado pelas perdas das bolsas norte-americanas, enquanto as principais praças do Velho Continente continuam encerradas devido à Páscoa.

“Apesar dos esforços intensos por angariar financiamento, incluindo um lançamento massivo de uma venda de Easter Eggs, é com tristeza que anunciamos que a Tesla entrou completamente e totalmente em falência. Está tão falida que nem dá para acreditar.” Foi assim que Elon Musk enganou milhões através do Twitter no dia 1 de abril, conhecido como dia das mentiras.

Apenas algumas horas depois é que o CEO da Tesla decidiu revelar que não passava de uma brincadeira. Mas os investidores não acharam piada. Os títulos estão a cair 6,33% para 249,28 dólares. No mês passado, as ações da Tesla caíram mais de 22%, a maior queda mensal desde dezembro de 2010, altura em que a empresa entrou em bolsa.

Os receios de as metas de produção não serem alcançadas a tempo e o último acidente com um carro autónomo, que causou um morto, têm levado muitos a criticar o plano de negócio de Musk e a duvidar da sustentabilidade das suas empresas.

Wall Street também abriu no vermelho. O Dow Jones recua 0,26% para 24.040,12 pontos, enquanto o S&P 500 cede 0,38% para 2.630,72 pontos. O tecnológico Nasdaq acompanha, com o índice a cair 0,60% para 7.021,36 pontos. Isto num dia em que as principais praças europeias continuam encerradas devido às férias da Páscoa.

(Atualiza às 15h02 com cotação da Tesla)

Comentários ({{ total }})

Tesla na falência? Era 1 de abril, mas Wall Street não perdoa brincadeira de Musk

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião