José Mourinho assume culpa e vai pagar 800 mil euros ao Fisco espanhol

  • ECO
  • 8 Maio 2018

O treinador português é acusado de evasão fiscal avaliada em 3,3 milhões de euros, praticada quando era treinador do Real Madrid.

José Mourinho, acusado de evasão fiscal cometida na altura em que foi treinador do Real Madrid, chegou a acordo com as autoridades espanholas para encerrar o processo. O treinador português admitiu ter cometido os crimes de que é acusado e vai pagar 800 mil euros ao Fisco espanhol, evitando uma pena de prisão de doze meses.

A notícia é avançada, esta terça-feira, pelo jornal espanhol El Mundo, que cita fontes próximas do Fisco. Segundo as mesmas fontes, o acordo já estará fechado e será oficializado nas próximas semanas.

José Mourinho é acusado de evasão fiscal avaliada em 3,3 milhões de euros, entre 2011 e 2012, quando era treinador do Real Madrid.

No final do ano passado, quando foi ouvido em tribunal, o treinador português disse que, quando saiu do Real Madrid, em 2013, foi informado de que a sua situação fiscal “estava toda regularizada”. No entanto, dois anos depois, foi notificado de que, afinal, a situação não estava regularizada e que, para a regularizar, tinha de pagar uma determinada quantia, o que garante ter feito.

Comentários ({{ total }})

José Mourinho assume culpa e vai pagar 800 mil euros ao Fisco espanhol

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião