Esta empresa emite cartões de crédito às startups

Não são créditos normais: a Brex analisa dados das startups em tempo real para definir o limite de crédito diário no plafond dos seus cartões. Acaba de receber investimento dos fundadores do PayPal.

Peter Thiel e Max Levchin, que estiveram entre os fundadores do PayPal, acabam de investir numa empresa que emite cartões de crédito para as startups, ajudando-as a fazer frente às despesas mais básicas. A companhia chama-se Brex e é capaz de ajustar o nível de crédito diariamente, com base na análise de outros dados que não só o histórico financeiro das startups, como acontece nos créditos tradicionais.

A Brex tem sede em São Francisco, na Califórnia (EUA), e já emitiu cartões de crédito a cerca de 1.000 pessoas ligadas a startups. Na mais recente ronda de financiamento series B, agora anunciada, onde participaram Thiel e Levchin e a incubadora Y Combinator, a companhia recebeu 57 milhões de dólares de novo capital para continuar a expandir esta ideia.

“Os bancos tradicionais emitem cartões de créditos como se estivessem a fazer um empréstimo. Nós olhamos para os dados em tempo real e decidimos o limite de crédito diariamente”, explicou à Bloomberg (acesso condicionado) o cofundador da Brex, Henrique Dubugras.

Ou seja, as startups ou funcionários podem passar a ter um cartão de crédito que não é emitido da forma tradicional e está adaptado à realidade das startups. São, geralmente, empresas com modelos de negócio voltados para o crescimento orgânico rápido, mas que consomem bastantes recursos financeiros nas primeiras fases do negócio.

No site da Brex é possível ver algumas das funcionalidades dos cartões emitidos pela empresa. Entre elas está a possibilidade de associar talões a cada despesa com uma fotografia do mesmo, ou a de atribuir vários utilizadores a um mesmo cartão, definindo um limite de gastos mensal, por exemplo.

O mundo financeiro não é totalmente novo para o jovem empreendedor Dubugras e o seu cofundador Pedro Franceschi. Antes da Brex, os dois jovens já tinham fundado uma empresa de pagamentos no Brasil, chamada Pagar.me.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Esta empresa emite cartões de crédito às startups

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião