Desemprego cai para 7% em maio, mínimo de 16 anos. INE prevê que volte a recuar em junho para 6,7%

A taxa de desemprego caiu para 7% em maio. Os dados do INE mostram que o desemprego está no nível mais baixo desde outubro de 2002. Deverá voltar a baixar em junho, para 6,7%.

A taxa de desemprego caiu para 7% em maio. Os dados, publicados esta segunda-feira, são do Instituto Nacional de Estatística (INE) e mostram que a taxa de desemprego está no nível mais baixo dos últimos 16 anos. Em junho, deverá haver nova descida.

Os dados agora publicados vêm contrariar a estimativa provisória que o INE tinha feito há um mês, quando antecipava que a taxa de desemprego se fixasse em 7,3%, naquela que, a confirmar-se, seria a primeira subida da taxa de desemprego em nove meses. Contudo, a conjuntura voltou a melhorar e a taxa de desemprego caiu mais uma vez em maio, a quarta queda mensal consecutiva.

A taxa de desemprego fixou-se, assim, nos 7% em maio, uma queda de 0,1 pontos percentuais relativamente à taxa que tinha sido registada em abril e menos 2,2 pontos percentuais face a maio de 2017. É preciso recuar até outubro de 2002 para encontrar uma taxa de desemprego tão baixa.

Desemprego cai há quatro meses consecutivos

Ao todo, havia 362,8 mil pessoas desempregadas em maio, o que representa uma queda de 1,4% em relação a abril. Já a população empregada fixou-se em 4.791.800 pessoas, um ligeiro aumento face ao mês anterior.

Já em junho, a estimativa provisória do INE aponta para que a taxa de desemprego se fixe em 6,7%, com um total de 347,1 mil pessoas desempregadas e 4.805.000 empregadas.

A descida do desemprego fica a dever-se exclusivamente ao grupo dos adultos entre os 25 e os 74 anos (onde a taxa caiu de 6,1% para 6% em maio), já que, entre os jovens até aos 24 anos, a taxa manteve-se inalterada nos 20,5% em maio. Contudo, em junho, deverá ser a taxa de desemprego jovem a contribuir de forma mais expressiva para a redução do desemprego. O INE antecipa que recue para 19,6%, enquanto a taxa de desemprego dos adultos deverá diminuir para 5,8%.

Notícia atualizada às 11h29 com mais informação.

Comentários ({{ total }})

Desemprego cai para 7% em maio, mínimo de 16 anos. INE prevê que volte a recuar em junho para 6,7%

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião