CTT derrapam quase 3% em bolsa depois de queda de lucros de 65%

Ações da empresa estiveram a perder 2,9%. CTT apresentaram esta terça-feira quebra de lucros de 65%.

As ações dos CTT derraparam quase 3% esta manhã, na bolsa de Lisboa, na sequência dos resultados apresentados esta segunda-feira, que dão conta de uma quebra de 65% dos lucros da empresa para os 6,3 milhões de euros. Os títulos da empresa de correios são os que mais penalizam o PSI-20.

Ações caem quase 3%

Esta terça-feira, a trajetória de queda nos lucros dos CTT continuou, com a empresa a reportar uma quebra no resultado líquido de cerca de 65% para os 6,3 milhões de euros.

A queda dos lucros foi justificada pela “quebra de tráfego de correio endereçado” de 7,9% no primeiro semestre de 2018, mas aumento das receitas com o “efeito conjugado”, ou seja, “um crescimento do tráfego do correio internacional de chegada e menor queda do correio registado”. Apesar destes fatores, o que mais pesou nos resultados da empresa dos Correios foram as indemnizações pagas aos trabalhadores: os CTT pagaram 13,7 milhões de euros pelas rescisões contratuais, que representam um custo não recorrente.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

CTT derrapam quase 3% em bolsa depois de queda de lucros de 65%

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião