Trump ataca media durante campanha pela liberdade de imprensa

  • Lusa
  • 16 Agosto 2018

No dia em que jornais por todos os EUA se manifestam contra os ataques frequentes de Donald Trump à imprensa, o Presidente dos Estados Unidos não se conteve e fez novas acusações.

O presidente norte-americano, Donald Trump, voltou hoje a criticar os meios de comunicação social, no mesmo dia em que centenas de jornais numa campanha coordenada insistiram na importância da liberdade de imprensa.

A convite do diário The Boston Globe, perto de 350 organizações noticiosas comprometeram-se a participar na frente comum contra a retórica hostil de Trump, que já chamou aos jornalistas o “inimigo do povo”.

“Não há nada que desejasse mais para o nosso país que uma verdadeira LIBERDADE DE IMPRENSA. O facto é que a imprensa é LIVRE para escrever e dizer o que quiser, mas muito do que diz são NOTÍCIAS FALSAS, forçando uma agenda política ou tentando apenas ferir as pessoas. A HONESTIDADE VENCE”, escreveu hoje Trump na rede social Twitter.

O presidente dos Estados Unidos adiantou: “OS MEDIA DAS NOTÍCIAS FALSAS SÃO O PARTIDO DA OPOSIÇÃO. É muito mau para o nosso grande país … MAS ESTAMOS A GANHAR”.

No seu editorial de hoje, o jornal Boston Globe escreveu: “Temos hoje nos Estados Unidos um Presidente que criou um mantra de acordo com o qual qualquer meio de comunicação social que não apoie abertamente a política da administração atual é ‘inimigo do povo’”.

Alvo frequente das críticas de Trump, o New York Times lembrou que as pessoas têm o direito de criticar os media. “Mas insistir no facto das verdades que vos desagradam serem ‘falsas notícias’ é perigoso para a democracia”, assinalou.

O Post-Dispatch, de Saint Louis, designou os jornalistas de “mais verdadeiros dos patriotas”, enquanto o Chicago Sun-Times disse acreditar que a maioria dos norte-americanos sabe que o que Trump diz é absurdo e o Observer da Carolina do Norte declarou esperar que “todos os apoiantes do Presidente reconheçam o que ele está a fazer – manipular a realidade para conseguir o que quer”.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Trump ataca media durante campanha pela liberdade de imprensa

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião