BCP puxa pela bolsa. Energia dá brilho ao PSI-20

A bolsa nacional segue a tendência positiva das restantes praças europeias. Beneficia da subida do BCP numa sessão em que os títulos do setor energético também estão em destaque.

Lisboa está em alta. A praça portuguesa segue a tendência positiva das restantes bolsas europeias, beneficiando do comportamento positivo dos títulos do banco liderado por Miguel Maya. O setor da energia também ajuda à subida.

O índice de referência do mercado português, o PSI-20, arrancou a sessão com uma subida de 0,14% para 5.469 pontos. Com esta subida, acompanha os ganhos de 0,2% a 0,3% registados nos principais mercados do Velho Continente. O Stoxx 600, índice de referência para as praças europeias, segue a ganhar 0,1%.

A ajudar a bolsa nacional a valorizar neste arranque de semana estão, especialmente, os títulos do BCP. As ações do banco somam 0,48% para 25,15 cêntimos, isto depois de a Sonangol ter afirmado que a sua posição no capital da instituição é para manter.

Nota positiva também para as empresas dos setor da energia. A EDP Renováveis destaca-se ao somar 0,68% para 8,84 euros, enquanto a EDP ganha 0,15% para cotar nos 3,408 euros. A Galp Energia, por seu lado, soma 0,2%.

A Jerónimo Martins avança 0,23%, enquanto os CTT — que viram a GreenWood superar os 5% do seu capital — dão também o seu contributo para a valorização do índice com uma valorização de 0,31% para 3,246 euros.

A Semapa e a Navigator arrancaram a sessão em queda, mas estão já a recuperar. Depois da morte de Pedro Queiroz Pereira, os títulos de ambas as empresas cederam, mas estão novamente em terreno positivo, somando 0,87% para 18,58 euros e 0,64% para 4,38 euros, respetivamente.

A impedir uma maior subida da bolsa estão apenas duas cotadas (das 18 do PSI-20): a Corticeira Amorim lidera as quedas ao recuar 1,29% para 10,68 euros, já a Nos recua 0,24%. A operadora está a cotar nos 4,9120 euros.

(Notícia atualizada com mais informação)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

BCP puxa pela bolsa. Energia dá brilho ao PSI-20

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião