Sporting anuncia preparação de emissão obrigacionista de 30 milhões em novembro

O Sporting está sob pressão para garantir que tem 30 milhões para reembolsar os investidores exatamente dentro de um mês, no dia 26 de novembro. Montepio Investimento foi o banco escolhido.

A Administração da SAD do Sporting anunciou esta noite a preparação de uma emissão de obrigações no valor de 30 milhões de euros, “operação que é fundamental para o cumprimento de compromissos financeiros da Sociedade”. Como o ECO revelou esta sexta-feira, o Sporting está sob pressão para garantir que tem 30 milhões para reembolsar os investidores exatamente dentro de um mês, no dia 26 de novembro. E, se a operação não for decidida a tempo, a alternativa é pedir um novo adiamento deste reembolso.

“A Sporting Clube de Portugal — Futebol, SAD vem, nos termos e para efeitos do cumprimento da obrigação de informação (…) informar o mercado que o Conselho de Administração se encontra a proceder à estruturação e montagem de um novo empréstimo obrigacionista, a realizar por subscrição pública, no montante de até € 30.000.000, o qual poderá ser aumentado, por opção da Sporting SAD“, lê-se no comunicado.

No mesmo documento, é ainda anunciado que o banco Montepio Investimento foi o escolhido para a “prestação dos serviços de organização, montagem e colocação do novo empréstimo obrigacionista, operação que é fundamental para o cumprimento de compromissos financeiros da Sociedade”, tal como o ECO tinha adiantado.

A SAD do clube dos leões está sob pressão para anunciar aos investidores a solução para o pagamento de 30 milhões de euros que vencem exatamente dentro de um mês, no dia 26 de novembro, depois de um adiamento de seis meses. A saída dos jogadores por justa causa, logo, sem receita para o Sporting, e o adiamento de uma nova emissão na sequência da crise diretiva com Bruno de Carvalho, que se juntam a uma situação de falência técnica e a uma enorme pressão de tesouraria, com as dívidas a fornecedores a aumentarem, estão a afunilar as opções possíveis.

Recorde-se que o clube aprovou em Assembleia Geral de obrigacionistas o reembolso da emissão de obrigações no valor de 30 milhões de euros, afetando mais de quatro mil credores. De acordo com um comunicado enviado, então, pela SAD do Sporting à CMVM, o prazo do reembolso saltou para 26 de novembro deste ano. Varandas e Francisco Zenha estão numa luta contra o tempo, porque a pressão de tesouraria é enorme.

Esta sexta-feira, o clube revelou as contas do primeiro trimestre e vai ter de acompanhar o prospeto da emissão a submeter na próxima semana à aprovação da CMVM.

(Notícia atualizada às 22h22 com mais informação)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Sporting anuncia preparação de emissão obrigacionista de 30 milhões em novembro

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião