Lime ou Bird? Uber quer comprar uma destas startups de trotinetas elétricas

Popularidade das trotinetas em alta faz com que a Uber esteja a pensar comprar uma startup deste género. Fontes próximas do assunto dizem que as negociações já começaram.

Decidida a não perder a corrida, a Uber quer entrar no mundo das trotinetas elétricas. De acordo com o Financial Times (conteúdo em inglês, acesso pago), a empresa está a ponderar comprar uma destas startups — Lime ou Bird –, e terá mesmo discutido com ambas um “acordo multimilionário”. Este interesse por parte da Uber acontece numa altura em que as startups estão à procura de investidores para impulsionarem os seus crescimentos.

De acordo com várias fontes próximas das startups e contactadas pelo FT, as conversações estão ainda numa fase inicial. A Uber não quis prestar declarações, enquanto o CEO da Bird afirmou, em comunicado, que a startup “não está à venda”. Já a Lime, na qual a Uber tem uma participação minoritária, disse que está “focada na construção de uma empresa independente que é líder global em soluções de mobilidade”.

Cada uma destas startups arrecadou recentemente centenas de milhares de dólares em financiamento, ficando avaliadas em mais de mil milhões de dólares, tornando-se unicórnios. Desde aí expandiram-se para outros países, um pouco por todo o mundo, o que poderá indicar que a Uber terá de oferecer vários milhares de milhões para conseguir um acordo.

Este interesse da Uber nas trotinetas elétricas acontece numa altura em que estas passam por um boom, sendo vistas como uma alternativa aos meios de transporte mais tradicionais. Contactadas pelo FT, pessoas próximas das negociações dizem que as conversações ainda podem não dar em nada, uma vez que se trata de empresa jovens e cujo modelo de negócios ainda não está aperfeiçoado.

Caso venha a acontecer alguma destas aquisições, vai juntar-se às mais recentes “compras da Uber”. Em abril, a empresa de transporte de passageiros pagou mais de 100 milhões de dólares pela Jump, uma startup de bicicletas elétricas.

As trotinetas elétricas da Lime já circulam pelas ruas de Lisboa desde o final de setembro. Em declarações ao ECO, o diretor-geral da empresa para Portugal avançou que seriam disponibilizadas entre 200 e 400 scooters. Já na semana passada, a capital portuguesa atraiu mais uma empresa neste negócio: desta feita, a Hive.

Comentários ({{ total }})

Lime ou Bird? Uber quer comprar uma destas startups de trotinetas elétricas

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião