Marcelo marca eleições legislativas para 6 de outubro de 2019

Portugal vai ter três atos eleitorais no próximo ano: a 23 de maio eleições europeias, 22 de setembro eleições na Madeira e a 6 de outubro eleições legislativas.

Depois de ouvir os partidos na quarta e quinta-feira, o Presidente da República agendou as eleições legislativas para 6 de outubro do próximo ano. O Chefe de Estado escolheu ainda o dia 22 de setembro para as eleições legislativas regionais da Madeira. No próximo ano há ainda mais um ato eleitoral que já está agendado: as eleições para o Parlamento Europeu a 26 de maio.

“Na sequência da audição dos partidos políticos representados na Assembleia da República, o Presidente da República definiu o dia 6 de outubro de 2019 para a realização das Eleições Legislativas”, lê-se na nota publicada esta sexta-feira no site da presidência.

Por outro lado, depois de “ter ouvido os partidos políticos representados na Assembleia Legislativa da Região Autónoma da Madeira, o Presidente da República escolheu o dia 22 de setembro de 2019 para a realização das Eleições Legislativas Regionais”. A audição dos representados na Assembleia Legislativa Regional da Madeira sobre a data das eleições regionais de 2019 aconteceu a 2 de novembro no Funchal.

No próximo ano está previsto mais um ato eleitoral: as eleições para o Parlamento Europeu que já têm a data marcada para 26 de maio de 2019. O ministro das Finanças, Mário Centeno, tinha defendido em abril que seria “adequado” alinhar as eleições legislativas com a votação para o Parlamento Europeu, o que anteciparia o escrutínio nacional em alguns meses. Mas essa não foi a opção do Chefe de Estado.

Na mesma nota a presidência especifica que os “decretos presidenciais fixando as datas destas eleições serão publicados oportunamente no ano que vem”.

(Notícia atualizada)

Comentários ({{ total }})

Marcelo marca eleições legislativas para 6 de outubro de 2019

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião