EDP Renováveis ganha novo contrato de energia na Grécia

A empresa eólica ganhou um contrato de 20 anos num leilão de energia grego para a venda de energia eólica. Projeto está localizado na região norte da Grécia e começa a funcionar até 2021.

A EDP Renováveis assegurou um novo contrato para a produção de energia eólica na Grécia. Depois de se ter estreado naquele mercado em julho, a empresa liderada por Manso Neto ganhou um leilão de energia eólica para um parque situado no norte da Grécia. A energética prevê que este projeto entre em funcionamento no máximo dentro de três anos, revelou esta segunda-feira a empresa ao mercado.

A EDP Renováveis assegurou um Contract for Diference (CfD) de 20 anos, na sequência do leilão de energia Grego, para a venda de geração eólica produzida pelo parque Aerorrachi com 15 MW de capacidade. O projeto, localizado na região norte da Grécia, deverá entrar em operação até 2021″, diz o comunicado publicado no site da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

A conquista deste contrato acontece cinco meses depois de a empresa se ter estreado no mercado helénico. Foi a 4 de julho de 2018 que a EDP Renováveis anunciou a entrada na Grécia com a atribuição de um CfD de 20 anos para o parque eólico Livadi de 45 MW.

Relativamente a este novo negócio, a empresa liderada por Manso Neto diz que “reforça a sua presença num novo mercado com um desenvolvimento sustentável do seu recurso de energia renovável“.

Refere também que “continua a analisar oportunidades de crescimento, enquanto desenvolve projetos rentáveis focados em países com perfil de baixo risco e estabilidade regulatória”.

Comentários ({{ total }})

EDP Renováveis ganha novo contrato de energia na Grécia

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião