Mortes, efemérides e futebol: os temas quentes do Facebook em 2018

As mortes de Stephen Hawking e Aretha Franklin foram dois dos temas mais discutidos no Facebook em Portugal, no ano que agora termina. A Seleção - e o Mundial - também marcaram 2018.

Festas, mortes, efemérides e… futebol. A Seleção Nacional foi tema de conversa no Facebook dos portugueses em 2018, assim como o Sporting Clube de Portugal e, em concreto, a invasão da Academia de Alcochete a 15 de maio. O desporto rei foi um dos temas mais discutidos e marcantes para os utilizadores portugueses da rede social: outro dos tópicos, ainda relacionados com o Mundial, foi a participação da Seleção espanhola no Mundial. Mas há mais.

As mortes de Stephen Hawking e da cantora Aretha Franklin marcaram os comentários e interações em território nacional, assim como as comemorações do 25 de abril e o Carnaval de Loulé.

Além destes, a 90.ª cerimónia dos Oscars e o Dia Internacional da Mulher, em março, também estiveram no top dos assuntos mais discutidos do ano, assim como um anúncio sobre óleo de palma, avança a empresa em comunicado.

Quanto a diretos, o vídeo da acordeonista Rita Melo foi o que contou com mais interações e partilhas: mais de 49 mil.

Portugal e o mundo

Se, em Portugal, três dos dez tópicos mais discutidos no Facebook estiveram relacionados com futebol, no mundo o tema-rei não mudou. O Campeonato Mundial de Futebol foi o tema mais discutido também, a nível internacional: mais de 383 milhões de fãs de futebol de todo o mundo usaram o Facebook para apoiar as suas equipas favoritas com 2,3 mil milhões de publicações, comentários, reações e partilhas.

Logo em segundo lugar aparece outra competição desportiva: o Super Bowl 52, a 4 de fevereiro, abriu o ano dos grandes números. Mais de 62 milhões de pessoas usaram a rede social para falar sobre o jogo entre os Philadelphia Eagles e os New England Patriots.

Em terceiro lugar esteve o casamento do príncipe Harry e da atriz Meghan Markle, a 19 de maio, que juntou interações e publicações de mais de 42 milhões de pessoas.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Mortes, efemérides e futebol: os temas quentes do Facebook em 2018

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião