Swatch, uma marca em transformação

A linha "Transformation" é uma das recentes novidades da marca alinhada com a tendência minimalista e o perfil dos novos consumidores.

É preciso olhar. Voltar ao olhar. E perceber que a imaginação não tem limites. Para a Swatch, a hora é de “Transformation”, o nome da coleção apresentada recentemente ao mercado e que acaba por transformar a própria marca.

“As coleções da Swatch são, há muitos anos, baseadas em cores, em padrões e em texturas, e isso está no ADN da marca. Mas, ao tentar trazer um ar mais simplista, mais purista, estamos a fazer aqui uma transformação da génese da marca. Obviamente, numa coleção específica, não vamos abandonar de todo o ADN da marca mas, sim, tentar ter uns tentáculos para coleções um pouco diferentes”, explica Luís Gomes, diretor de marketing e vendas da marca.

A mistura futurística de técnicas e materiais é conseguida com ilusões óticas e uma estratégia de movimento contínuo para seguir as tendências e um novo perfil de consumidores, que valoriza a simplicidade do design puro e transparente.

"Temos de ir agradando a outro tipo de procura com alterações ou coleções específicas.”

Luís Gomes

Diretor de marketing e vendas da Swatch

“Sabemos que existem tendências que aparecem no mercado e não podemos ter sempre o mesmo género de relógios. Nunca vamos largar a génese mas temos de ir agradando a outro tipo de procura com alterações ou coleções específicas. O minimalismo hoje é valorizado pelo target da marca, as linhas e cores mais simples, mais puras e mais neutras”, acrescenta o mesmo responsável.

Comentários ({{ total }})

Swatch, uma marca em transformação

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião