Prisa tenta vender TVI à Cofina e Record TV

  • ECO
  • 16 Fevereiro 2019

Tanto a Cofina como a Record TV terão transmitido à Prisa que não têm interesse nesta compra, mas o processo não estará ainda fechado.

Depois de ter falhado a venda da Media Capital, dona da TVI, à Altice, a Prisa volta a tentar concretizar esta operação. A notícia é avançada, este sábado, pelo Expresso (acesso pago), que dá conta de que a Cofina e a Record TV (estação brasileira detida pela Igreja Universal do Reino de Deus) estarão entre as entidades que foram abordadas pelos acionistas da televisão portuguesa.

O semanário ressalva, contudo, tanto a Cofina como a Record TV terão transmitido à Prisa que não têm interesse nesta compra. “De facto, a TVI procurou a Record neste sentido. Contudo, não houve interesse por parte da Record na concretização”, referiu fonte oficial da televisão brasileira ao Expresso. A Cofina não fez qualquer comentário.

Várias fontes garantem, por outro lado, que o processo ainda não está fechado. Fonte oficial da Prisa, por sua vez, afirma que “não há nenhuma oferta sobre a Media Capital”, o grupo que detém a TVI e que tem a Prisa como acionista.

A operação de venda da Media Capital à Altice foi travada pela Autoridade da Concorrência em junho do ano passado, que concluiu que o negócio iria resultar num custo estimado de 100 milhões de euros por ano aos concorrentes e, consequentemente, às famílias portuguesas.

A Altice oferecia 440 milhões de euros à Prisa para ficar com a Media Capital, o maior grupo de media português em quota de mercado, detendo canais como a TVI e a TVI24, ou as rádios Comercial, Smooth FM e M80.

Comentários ({{ total }})

Prisa tenta vender TVI à Cofina e Record TV

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião