PSD pede a demissão de secretário de Estado que nomeou o primo. CDS pede que seja já hoje

  • ECO
  • 4 Abril 2019

PSD e o CDS não têm dúvidas. O secretário de Estado do Ambiente, Carlos Martins, não tem condições para permanecer no Governo.

O PSD e o CDS não têm dúvidas. O secretário de Estado do Ambiente, Carlos Martins, não tem condições para permanecer no Governo, depois de se saber que nomeou o seu primo, Armindo dos Santos Alves, para adjunto no seu gabinete desde outubro do ano passado, sem informar o Ministério do Ambiente da relação familiar entre os dois.

A demissão do primo do secretário de Estado do Ambiente não parece ser suficiente para dar como encerrado o caso. Em entrevista à RTP3, Fernando Negrão assumiu isso mesmo. “O secretário de Estado devia demitir-se. Fez uma coisa que não devia ter feito: convidou um familiar próximo para um lugar“, afirmou.

Uma opinião reforçada por Rui Rio. “Eu acho que é lógico é a demissão de quem nomeia, não de quem é nomeado”, disse o presidente do PSD em declarações transmitidas também pela RTP3, acrescentando que o quadro atual “fragiliza a confiança dos portugueses no Governo“.

Rui Rio coloca ainda em causa a legitimidade das nomeações feitas pelo executivo de António Costa. “Temos um Governo que nomeia, não por competência, mas por laços familiares“, salientando que esta situação “ultrapassou todos os limites”.

“São tantos tantos os casos”, diz ainda o presidente do PSD, lançando para António Costa a “batata quente”. “Pergunte ao primeiro-ministro como se resolve…”, atirou, classificando a recente polémica como um “problema ético”.

Também a líder centrista, Assunção Cristas, defendeu a saída de Armindo dos Santos Alves. “Seria bom que na hora do debate quinzenal já não tivéssemos esse secretário de Estado no Governo.” O debate quinzenal realiza-se na tarde desta quinta-feira, com a presença do primeiro-ministro António Costa.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

PSD pede a demissão de secretário de Estado que nomeou o primo. CDS pede que seja já hoje

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião