Antas da Cunha Ecija com três novas contratações

Cláudia Leonardo é a mais recente of counsel do escritório com presença ibérica. As novas caras são ainda João Rodrigues, associado júnior, e Tiago Marques, advogado estagiário.

A Antas da Cunha Ecija acaba de integrar três novos advogados: Cláudia Leonardo, como of counsel do departamento contencioso, João Rodrigues, como associado júnior do departamento de societário, e Tiago Marques, como estagiário do departamento de TMT/privacidade e cibersegurança.

“Estamos seguros de que a aposta no talento é a melhor forma de entregarmos aos nossos clientes serviços integrados de excelência e cada vez mais especializados”, refere Fernando Antas da Cunha, managing partner do escritório, citado em comunicado.

Cláudia Leonardo foi sócia na Anselmo Vaz, Afra & Associados, onde esteve durante dois anos. Durante o seu percurso profissional fez parte do departamento de contencioso e arbitragem da Miranda & Associados, onde esteve sete anos, e do departamento de financial litigation da Simmons & Simmons London.

João Rodrigues transita do departamento de societário e comercial da CTSU – Sociedade de Advogados, membro da Deloitte Legal. No seu percurso profissional passou também pela Pedro Raposo & Associados, pelo departamento de Compliance Office do Millennium BCP e pela EDGE – International Lawyers.

Já Tiago Marques iniciou o curso de estágio da ordem dos advogados em 2017 na Azevedo Brandão & Associados, passando posteriormente a integrar o escritório em prática individual do advogado Ricardo Pinto da Silva.

Contribua. A sua contribuição faz a diferença

Precisamos de si, caro leitor, e nunca precisamos tanto como hoje para cumprir a nossa missão. Que nos visite. Que leia as nossas notícias, que partilhe e comente, que sugira, que critique quando for caso disso. A contribuição dos leitores é essencial para preservar o maior dos valores, a independência, sem a qual não existe jornalismo livre, que escrutine, que informe, que seja útil.

A queda abrupta das receitas de publicidade por causa da pandemia do novo coronavírus e das suas consequências económicas torna a nossa capacidade de investimento em jornalismo de qualidade ainda mais exigente.

É por isso que vamos precisar também de si, caro leitor, para garantir que o ECO é económica e financeiramente sustentável e independente, condições para continuar a fazer jornalismo rigoroso, credível, útil à sua decisão.

De que forma? Contribua, e integre a Comunidade ECO. A sua contribuição faz a diferença,

Ao contribuir, está a apoiar o ECO e o jornalismo económico.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Antas da Cunha Ecija com três novas contratações

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião