Delta Q aposta na sustentabilidade. Apresenta primeira cápsula de café sem plástico

A nova cápsula de café da Delta Q é constituída por um material composto por cana-de-açúcar, mandioca e milho, que substitui o plástico.

Cada vez mais marcas apostam na sustentabilidade e comprometem-se a reduzir a utilização de plástico. A Delta Q é uma delas, tendo agora apresentado a primeira cápsula de café sem plástico. Cana-de-açúcar, mandioca e milho são os ingredientes que tornam isto possível, ao substituir o material por outro de base biológica e vegetal.

A primeira blend de café para a nova cápsula, que é 100% orgânica e biodegradável, vai ser lançada no segundo semestre deste ano, indica a empresa em comunicado. Como é biodegradável, ou seja, pode entrar em decomposição no meio ambiente, é preciso ter atenção aos prazos: tem uma validade de 90 dias.

Em linha com a cápsula, esta mistura de café será embalada em cartão totalmente reciclável. “O caminho de sustentabilidade é prioritário para o Grupo e para todas as suas marcas”, garante Rui Miguel Nabeiro, Administrador do Grupo Nabeiro – Delta Cafés, citado em comunicado.

“Pretendemos continuar com um papel ativo na construção de valor para a sociedade, contribuindo para a adoção de comportamentos mais responsáveis, acrescentando simultaneamente valor aos vários momentos de consumo e de partilha proporcionados pelo café”, acrescenta o administrador.

Contribua. A sua contribuição faz a diferença

Precisamos de si, caro leitor, e nunca precisamos tanto como hoje para cumprir a nossa missão. Que nos visite. Que leia as nossas notícias, que partilhe e comente, que sugira, que critique quando for caso disso. A contribuição dos leitores é essencial para preservar o maior dos valores, a independência, sem a qual não existe jornalismo livre, que escrutine, que informe, que seja útil.

A queda abrupta das receitas de publicidade por causa da pandemia do novo coronavírus e das suas consequências económicas torna a nossa capacidade de investimento em jornalismo de qualidade ainda mais exigente.

É por isso que vamos precisar também de si, caro leitor, para garantir que o ECO é económica e financeiramente sustentável e independente, condições para continuar a fazer jornalismo rigoroso, credível, útil à sua decisão.

De que forma? Contribua, e integre a Comunidade ECO. A sua contribuição faz a diferença,

Ao contribuir, está a apoiar o ECO e o jornalismo económico.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Delta Q aposta na sustentabilidade. Apresenta primeira cápsula de café sem plástico

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião