O que defendem os partidos para as europeias? Aqui ficam 5 ideias de 5 partidos

Foram duas semanas com os candidatos na rua, muitas vezes a falar de temas nacionais. Mas domingo, mais de 10 milhões de portugueses votam também em programas. O que dizem os partidos no papel?

Para concorrer às eleições europeias são precisas duas coisas fundamentais: uma cara e um programa. No domingo, na hora de pôr a cruz no quadrado, além de escolher pessoas (e um partido), os eleitores estão também a optar por um conjunto de ideias.

Nestas duas semanas de campanha para as eleições ao Parlamento Europeu, os candidatos falaram muitas vezes em temas nacionais, deixando de lado assuntos mais europeus. O ECO leu os programas dos partidos que, segundo as sondagens analisadas pelo jornal Politico, vão conseguir eleger eurodeputados, e escolheu algumas ideias de cada. São eles PS, PSD, BE, PCP e CDS.

Mas no boletim de voto vai encontrar um total de 17 opções de escolha. E, nalguns casos, mesmo que não elejam eurodeputados, poderá valer a pena tomar atenção aos seus resultados, ou porque podem roubar votos à direita (como são os casos do Aliança de Santana Lopes e do Iniciativa Liberal de Carlos Guimarães Pinto), ou porque o candidato é conhecido (caso do Livre de Rui Tavares), ou porque têm representação no Parlamento português e tentam agora testar a sua força para o Parlamento Europeu (como é o caso do PAN de André Silva) ou para saber o que acontece a quem é eurodeputado e pode deixar de ser (como é o caso de Marinho e Pinto do PDR). Importante também será ver o desempenho de partidos vistos como mais populistas e nacionalistas (como é o caso do Basta! de André Ventura).

Comentários ({{ total }})

O que defendem os partidos para as europeias? Aqui ficam 5 ideias de 5 partidos

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião