Clientes bancários já podem reclamar através da Internet

  • Lusa
  • 25 Junho 2019

O Banco de Portugal aderiu ao Livro de Reclamações Eletrónico e a partir de 1 de julho já é possível os clientes bancários apresentem reclamações sobre instituições financeiras através da Internet.

Os clientes bancários poderão apresentar a partir de 1 de julho através do Livro de Reclamações Eletrónico reclamações relativas a instituições de crédito, sociedades financeiras, instituições de pagamento, instituições de moeda eletrónica e intermediários de crédito.

Num comunicado divulgado esta terça-feira, o Banco de Portugal explica que esta possibilidade decorre da adesão do supervisor bancário ao Livro de Reclamações Eletrónico.

“O Livro de Reclamações Eletrónico é uma plataforma digital na qual os clientes podem apresentar reclamações contra entidades de vários setores económicos, em moldes similares aos do livro de reclamações físico disponível nos locais de atendimento dessas entidades”, explica o banco central português.

Além do Livro de Reclamações Eletrónico, os clientes bancários podem também enviar a reclamação diretamente ao Banco de Portugal, através de carta ou do formulário disponível no Portal do Cliente Bancário, refere a instituição, sublinhando que “a implementação do Livro de Reclamações Eletrónico no setor financeiro não implica alterações aos procedimentos que as instituições supervisionadas devem observar no âmbito do tratamento das reclamações”.

Quando uma reclamação é submetida através do Livro de Reclamações Eletrónico é enviada automaticamente para a entidade reclamada e para a entidade reguladora do setor (o Banco de Portugal, no caso das entidades que comercializam produtos e serviço bancários de retalho).

O cliente receberá no seu endereço de correio eletrónico uma cópia da reclamação apresentada e deverá receber da entidade reclamada uma resposta à sua reclamação no prazo de 15 dias úteis.

Comentários ({{ total }})

Clientes bancários já podem reclamar através da Internet

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião