📹 A Mercadona chegou a Portugal. Visita guiada à loja n.º1

Internacionalização da gigante espanhola de distribuição arranca em Portugal. Empresa quer chegar aos 1.100 trabalhadores até ao final deste ano, com abertura de quatro lojas.

A primeira loja da Mercadona em Portugal marca a estreia do “novo modelo de lojas” além-fronteiras. A matriz começou a ser aplicada, a partir de 2018, e já serviu de mote à renovação de mais de 400 das 1.636 lojas da cadeia espanhola.

Em Portugal, tanto as 10 lojas previstas para este ano como as 10 para 2020 — num total de 150 nos “próximos anos”, contarão com uma configuração mais pensada para o “conforto do chefe”, nome dado ao cliente pela empresa. A primeira loja da gigante de distribuição espanhola tem inauguração marcada para esta terça-feira, em Canidelo, Vila Nova de Gaia, e conta com uma equipa de 85 pessoas de um total de 900 trabalhadores já contratados pela empresa. Até ao final do ano, a Mercadona em Portugal deverá chegar aos 1.100 trabalhadores.

Tal como em Espanha, a Mercadona terá em Portugal produtos de marca própria nas quatro linhas existentes — Hacendado (alimentação), Bosque Verde (detergentes), Deliplus (higiene e cosmética) e Compy (animais) — além das marcas de referência do mercado, num total de 6.000 referências (cerca de metade de fornecedores portugueses). A primeira loja, no Canidelo, foi resultado de um investimento de 11,5 milhões dos mais de 160 milhões já investidos pela Mercadona em Portugal.

Conheça a loja de estreia da cadeia espanhola de distribuição em Portugal.

 

 

Comentários ({{ total }})

📹 A Mercadona chegou a Portugal. Visita guiada à loja n.º1

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião