Linha do Norte enfrenta risco de desabamento. IP diz que as obras são “urgentes e inadiáveis”

  • ECO
  • 9 Julho 2019

A Infraestruturas de Portugal, a Teixeira Duarte e a Câmara Municipal de Santarém não se entendem sobre as obras de protecção à via férrea, na Linha do Norte.

Em Santarém, há uma parte da encosta das Portas do Sol que está em risco de se desmoronar sobre a via-férrea. A própria Infraestruturas de Portugal (IP) considera que as obras de consolidação são “urgentes e inadiáveis”. Contudo, um diferendo entre a empresa pública, a construtora Teixeira Duarte e a Câmara Municipal de Santarém tem impedido a resolução deste problema.

Um entrave que, segundo noticia esta terça-feira o Público, já se arrasta há vários anos e que já levou a IP a pedir um parecer à Procuradoria-Geral da República sobre “quem deve realizar e custear as obras a efetuar nas estruturas de contenção da encosta das Portas do Sol, a fim de evitar desabamentos sobre a infraestrutura ferroviária”.

Os terrenos que confinam com a via-férrea pertencem à construtora Teixeira Duarte, que os adquiriu em 1969, mas cuja propriedade renega. Já a IP tem vindo a reconhecer o perigo que existe sobre a via-férrea, entendendo que, como o terreno não é seu, não deve avançar com obras. Para completar este triângulo só falta mesmo a Câmara de Santarém, que diz que não tem recursos para um projeto daquela dimensão.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Linha do Norte enfrenta risco de desabamento. IP diz que as obras são “urgentes e inadiáveis”

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião