Hoje nas notícias: Ricardo Salgado, Montepio e manuais

  • ECO
  • 9 Julho 2019

Dos jornais aos sites, passando pelas rádios e televisões, leia as notícias que vão marcar o dia.

Passado um ano da assinatura do acordo entre a Santa Casa e o Montepio, a entidade liderada por Edmundo Martinho continua sem poder de decisão na Associação Mutualista. Em Santarém, há uma parte da encosta das Portas do Sol que está em risco de se desmoronar sobre a via-férrea. As obras são consideradas pela Infraestruturas de Portugal “urgentes e inadiáveis”. Em matéria de educação, começa esta terça-feira o prazo para as famílias se inscreverem para receberem um voucher para levantar, gratuitamente, os manuais escolares.

Ricardo Salgado acrescenta nova versão sobre pagamentos a Zeinal Bava perante Ivo Rosa

O ex-banqueiro, Ricardo Salgado, foi ouvido pelo juiz Ivo Rosa no âmbito da Operação Marquês e acrescentou uma nova versão para as transferências para Bava. Se antes tinha garantido que visavam convencer o então líder da PT a não se transferir para a concorrência depois de ter ido para o Brasil, em 2013, para liderar a Oi em representação da PT, agora diz que, afinal, o objetivo da transferência de 6,7 milhões de euros realizada em dezembro de 2007 era financiar a entrada de Zeinal Bava no capital da então maior empresa portuguesa. É a primeira vez que Salgado dá uma explicação para essa primeira transferência para Bava.

Leia a notícia completa em Observador (acesso livre).

Santa Casa sem poder de decisão no Montepio

A Santa Casa da Misericórdia de Lisboa e a Associação Mutualista Montepio Geral acordaram no ano passado a entrada da entidade liderada por Edmundo Martinho no capital do Montepio. Foi definida ainda a criação de uma entidade de representação da qual os acionistas possam ter poder de decisão na estratégia do banco, mas cerca de um ano após a assinatura do acordo essa entidade ainda não foi criada.

Leia a notícia completa no Jornal de Negócios (acesso pago).

 

Linha do Norte enfrenta risco de desabamento. Obras são “urgentes”

Em Santarém, uma parte da encosta das Portas do Sol está em risco de se desmoronar sobre a via-férrea. A própria Infraestruturas de Portugal (IP) considera que as obras de consolidação são “urgentes e inadiáveis”. Contudo, um diferendo entre a empresa pública, a construtora Teixeira Duarte e a Câmara local tem impedido a resolução deste problema. Uma situação que já se arrasta há vários anos e que já levou a IP a pedir um parecer à Procuradoria-Geral da República sobre “quem deve realizar e custear as obras a efetuar nas estruturas de contenção da encosta das Portas do Sol, a fim de evitar desabamentos sobre a infraestrutura ferroviária”.

Leia a notícia completa em Público (acesso pago).

Vouchers para manuais gratuitos disponíveis já esta terça-feira

Após a introdução de manuais escolares gratuitos em Orçamento de Estado 2019, o Executivo decidiu alargar a medida aos alunos do ensino público até ao 12.º ano de escolaridade, com efeito já no próximo ano letivo. Esta terça-feira começa o prazo para as famílias se inscreverem na plataforma a partir da qual serão atribuídos vouchers com os quais podem levantar os seus manuais escolares. No entanto, nem todos os anos vão ser já abrangidos. A partir de hoje serão disponibilizados os vouchers para os estudantes dos 2.º, 3.º, 4.º, 6.º, 8.º, 9.º, 11.º e 12.º anos. Os restantes anos (1.º, 5.º, 7.º e 10.º anos) vão receber os livros gratuitos apenas a partir de 1 de agosto.

Leia a notícia completa em Diário de Notícias (acesso pago).

“Foi doloroso não ter resposta para Portugal”, diz UE

O comissário europeu para a ajuda humanitária e gestão de crises, Christos Stylianides, admitiu, em Madrid, que “foi dolorosos não ter resposta para Portugal” na altura dos incêndios em outubro de 2017. Nessa época, o comissário conta que telefonou a cada um dos governantes dos vários países da União Europeia (UE) com a tutela da Proteção Civil no momento, com o objetivo de trazer ajuda para Portugal. No entanto, alguns países responderam que necessitavam dos seus próprios meios de combate a incêndios naquelas datas, enquanto outros admitiram já não dispor desses mesmos meios à data dos acontecimentos.

Leia a notícia completa em Observador (acesso livre).

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Hoje nas notícias: Ricardo Salgado, Montepio e manuais

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião