Boris Johnson vence eleições no Partido Conservador. É primeiro-ministro do Reino Unido

O ex-presidente da Câmara de Londres conquistou a maioria dos votos dos membros do Partido Conservador. Deverá tomar posse como primeiro-ministro do Reino Unido esta quarta-feira.

Boris Johnson venceu a liderança do Partido Conservador e vai suceder a Theresa May no cargo de primeiro-ministro.EPA/NEIL HALL

Boris Johnson foi eleito líder do Partido Conservador com 66% dos votos e deverá tomar posse como primeiro-ministro do Reino Unido esta quarta-feira, sucedendo a Theresa May e derrotando Jeremy Hunt. O ex-ministro dos Negócios Estrangeiros conseguiu vencer Jeremy Hunt, conquistando a maioria dos votos dos quase 160 mil militantes do partido.

“Sei que vão existir pessoas por aqui que vão questionar a inteligência da vossa decisão. E até deve haver pessoas aqui a questionarem-se o que é que acabou de ser feito”, admitiu Boris Johnson, num discurso logo após o anúncio do resultado da votação. Uma corrida que não foi pacífica, com Johnson a evitar o confronto de ideias com o adversário.

Sei que vão existir pessoas por aqui que vão questionar a inteligência da vossa decisão. E até deve haver pessoas aqui a questionarem-se o que é que acabou de ser feito.

Boris Johnson

Novo primeiro-ministro do Reino Unido

A eleição deverá espoletar uma onda de demissões por parte de militantes do partido com cargos no Governo. Entre elas, a já anunciada de Phillip Hammon, atual ministro das Finanças, e David Gauke, secretário de Estado da Justiça. Na segunda-feira, a primeira demissão foi protagonizada por Alan Duncan, secretário de Estado da Europa e Américas. Duncan foi uma das vozes internas mais críticas de Boris Johnson.

Doravante, o ex-jornalista e ex-presidente da Câmara de Londres, que deixou o Governo de Theresa May há cerca de um ano, terá a seu cargo a responsabilidade de concluir o processo do Brexit em três meses, como prometeu durante a campanha. Um objetivo ambicioso e que poderá resultar numa saída desordenada, tendo em conta que o Partido Conservador e o próprio Parlamento estão divididos sobre a forma como levar avante a saída do país da União Europeia.

Outro desafio que poderá colocar-se ao novo líder do Governo britânico é a possibilidade de vir a enfrentar uma moção de censura assim que tome posse, até pela forma como chegou ao cargo. Se acontecer e for aprovada, cai o Governo e são convocadas eleições antecipadas no Reino Unido.

Certo é que, para já, Boris Johnson vai mesmo ser o novo primeiro-ministro do Reino Unido. E, no mesmo discurso, assumiu três objetivos para o mandato: “Concluir o Brexit, unir o país e derrotar Jeremy Corbyn.”

(Notícia atualizada às 12h38 com mais informações)

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Boris Johnson vence eleições no Partido Conservador. É primeiro-ministro do Reino Unido

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião