Statkraft, Engie e Iberdrola na shortlist para comprar barragens da EDP

  • ECO
  • 4 Dezembro 2019

Até ao final do ano será escolhida a empresa que vai comprar as barragens da EDP no Douro. A Statkraft, a Engie e a Iberdrola já entregaram ofertas vinculativas.

Depois de a Verbund desistir, já três empresas entregaram ofertas vinculativas para comprar as barragens da EDP no Douro. As empresas, que tinham já mostrado interesse no negócio, são a norueguesa Statkraft, a francesa Engie e a espanhola Iberdrola. Até ao final do ano será escolhido o vencedor.

A notícia foi adiantada pelo Jornal Económico (acesso livre). Os bancos Morgan Stanley e UBS, advisers da EDP no concurso, estão a conduzir o processo. O negócio que envolve estes ativos da EDP deverá dar à elétrica um encaixe de cerca de dois mil milhões de euros.

A equipa da EDP liderada por António Mexia já tinha uma lista de cinco empresas interessas na aquisição destes ativos e que terão enviado propostas não vinculativas à elétrica nacional. Nessa lista estaria a Verbund, mas também a Iberdrola, a Engie e a norueguesa Stratkraft, tal como revelou o ECO Insider.

Entretanto, os austríacos da Verbund terão desistido. Depois de ter confirmado em setembro que estava a analisar as barragens que a EDP pôs à venda no mercado, a empresa terá pesado os riscos e as oportunidades da operação, acabando por decidir não avançar com uma proposta.

Contribua. A sua contribuição faz a diferença

Precisamos de si, caro leitor, e nunca precisamos tanto como hoje para cumprir a nossa missão. Que nos visite. Que leia as nossas notícias, que partilhe e comente, que sugira, que critique quando for caso disso. A contribuição dos leitores é essencial para preservar o maior dos valores, a independência, sem a qual não existe jornalismo livre, que escrutine, que informe, que seja útil.

A queda abrupta das receitas de publicidade por causa da pandemia do novo coronavírus e das suas consequências económicas torna a nossa capacidade de investimento em jornalismo de qualidade ainda mais exigente.

É por isso que vamos precisar também de si, caro leitor, para garantir que o ECO é económica e financeiramente sustentável e independente, condições para continuar a fazer jornalismo rigoroso, credível, útil à sua decisão.

De que forma? Contribua, e integre a Comunidade ECO. A sua contribuição faz a diferença,

Ao contribuir, está a apoiar o ECO e o jornalismo económico.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Statkraft, Engie e Iberdrola na shortlist para comprar barragens da EDP

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião