Direto Centeno anunciou o excedente no OE 2020. Costa somou-lhe o alívio no IVA da luz e o plano para a Saúde

De manhã, Centeno disse que o OE 2020 vai ter um excedente. À tarde, o chefe do Governo anunciou o alívio no IVA da luz, soluções para a suborçamentação na saúde e incentivos para rendas mais baixas.

O Governo começou esta terça-feira oficialmente a apresentar o Orçamento do Estado para 2020. O que se começa a saber já não chega pelas notícias mas sim pela boca de quem decide. O discurso político foi construído em camadas.

De manhã, Mário Centeno disse aos partidos que, com o mesmo crescimento económico que previa há dois meses, espera agora um excedente orçamental de 0,2% do PIB em vez de um saldo nulo. Ou seja, as medidas que lá pôs são de travão e valem 430 milhões de euros.

À tarde, o primeiro-ministro assumiu as apresentações. Costa estava a passar ao lado do OE no debate quinzenal, mas a meio deu uma reviravolta. Anunciou que pediu a Bruxelas um alívio no IVA da luz, que amanhã apresenta um plano para pôr fim à suborçamentação da saúde e incentivos fiscais para garantira rendas mais baixas. O debate foi assim.

Comentários ({{ total }})

Centeno anunciou o excedente no OE 2020. Costa somou-lhe o alívio no IVA da luz e o plano para a Saúde

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião