China regista 41.ª vítima mortal. Vírus já chega a 12 países

  • Lusa e ECO
  • 25 Janeiro 2020

Depois dos EUA e Europa, vírus chega à Austrália. Autoridades chinesas consideram que o país está no ponto "mais crítico" no que toca à prevenção e controlo do vírus.

O número de mortos devido ao novo coronavírus detetado na China aumentou para 41, depois de 15 pessoas terem morrido na província de Hubei, informaram as autoridades locais.

De acordo com as autoridades chinesas, citadas pela France-Presse, foi montada uma operação de quarentena que vai cobrir 13 cidades nesta província para tentar conter a propagação deste vírus.

As autoridades consideram que o país está no ponto “mais crítico” no que toca à prevenção e controlo do vírus e colocaram em quarentena, impedindo entradas e saídas, três cidades onde vivem mais de 18 milhões de pessoas — Wuhan, onde começou o surto, e as vizinhas Huanggang e Ezhou.

O novo vírus, que causa pneumonia, foi detetado na China no final de 2019. No território continental chinês há registo de mais de 800 pessoas infetadas e cerca de 1.000 casos suspeitos, tendo sido confirmados casos em 12 países, além da China. Macau, Tailândia, Taiwan, Coreia do Sul, Japão, Nepal, Malásia, Singapura, Vietname, Estados Unidos e França, marcando a chegada do coronavírus à Europa. Há três casos confirmados em França.

Este sábado, Scott Morrison, primeiro-ministro australiano, revelou que foi detetado na Austrália o primeiro caso de um paciente infetado com o novo coronavírus.

Comentários ({{ total }})

China regista 41.ª vítima mortal. Vírus já chega a 12 países

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião