Grupo francês Carrefour compra 30 lojas da Makro no Brasil por 419 milhões de euros

  • Lusa
  • 16 Fevereiro 2020

Sete das 30 lojas que o Carrefour vai comprar estão no estado do Rio de Janeiro, onde o grupo de hipermercados quer centrar os seus planos de expansão no Brasil.

O Carrefour vai comprar 30 das lojas da cadeia holandesa Makro no Brasil, anunciou este domingo o grupo francês. O negócio foi acordado em 1.953 milhões de reais (cerca de 419 milhões de euros, ao câmbio atual), sendo que as as lojas compradas faturaram, em 2019, 2.800 milhões de reais (cerca de 601 milhões de euros).

Das lojas, sete estão no estado do Rio de Janeiro, em que o grupo de hipermercados Carrefour quer centrar os seus planos de expansão no Brasil. O grupo já está presente em todas as regiões do país, com um total de 190 lojas. O grupo de distribuição grossista Makro, pela sua parte, esclareceu que a venda não significa que quer sair do país, onde opera desde 1972.

A Makro explicou que o negócio é parte de uma estratégia de negócios que visa concentrar a maioria das suas operações no estado do São Paulo, o mais rico e mais populoso do Brasil e em que tem 24 das 38 lojas que manterá no país.

Segundo o Carrefour, uma vez que o negócio seja aprovado pelos reguladores, a mudança de marca das 30 lojas implicadas na operação demorará cerca de um ano.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Grupo francês Carrefour compra 30 lojas da Makro no Brasil por 419 milhões de euros

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião