Rosseti constrói parque fotovoltaico em Santarém com capacidade de 30 MW

Empresa de energias renováveis vai construir a Central Solar do Mexeeiro. Terá capacidade para produzir mais de 45 GWh de energia por ano o que é suficiente para abastecer mais de 35 mil pessoas.

A Rosseti Engenharia assegurou a construção e instalação de um parque fotovoltaico na localidade de Mexeeiro, distrito de Santarém. Esta central solar será constituída por um total de 80 mil painéis solares fotovoltaicos o que equivale a uma capacidade de 30 MW. A Central Solar do Mexeeiro vai ter capacidade para produzir mais de 45 GWh de energia por ano e abastecer mais de 35 mil pessoas.

“A produção de energia solar em Portugal tem crescido de ano para ano, tendo nos últimos cinco simplesmente duplicado. Queremos e seremos certamente uma das empresas que irá contribuir para o aumento desse crescimento”, refere Pedro Martins, diretor geral da Rosseti.

Esta central solar será executada para a Generg, “um player com um portefólio considerável na área das energias renováveis e terá lugar no município de Salvaterra de Magos, no Ribatejo”, acrescenta a empresa em comunicado.

A Rosseti Engenharia, empresa do ramo das energias renováveis sediada em Braga, conta com cerca de 3125 MW de energia instalados por todo o mundo. Para além da Central Solar do Mexeeiro, a empresa vai construir uma subestação elevadora e respetivo edifício de comando permitindo a injeção de energia na rede de distribuição elétrica.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Rosseti constrói parque fotovoltaico em Santarém com capacidade de 30 MW

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião