Governo nomeou 219 gestores públicos no ano passado

  • ECO
  • 30 Março 2020

Relatório de atividade de 2019 da Cresap refere que 213 dos indigitados tiveram parecer "Adequado".

O Governo nomeou 219 gestores públicos no ano passado, avança o Correio da Manhã (acesso pago) esta segunda-feira, citando o relatório de atividades de 2019 da Comissão de Recrutamento e Seleção para a Administração Pública – Cresap, entidade responsável pela contratação dos dirigentes de topo do Estado.

Segundo o documento, que já terá sido entregue na Assembleia da República, do total de 219 personalidades indigitadas, “213 tiveram o parecer de ‘Adequado’, cinco tiveram o parecer de ‘Adequado com Condicionantes’ e uma teve parecer ‘Não Adequado’ para o desempenho das funções em causa. A Cresap especifica que quatro dos pareceres emitidos “respeitaram a cargo de dirigente superior, todos os outros foram para cargos de gestor público”.

Estes números são conhecidos sete meses depois de o Presidente da República ter promulgado o decreto que veio estabelecer regras transversais às nomeações para os gabinetes de apoio aos titulares de cargos políticos, dirigentes da administração pública e gestores públicos. Ficou conhecida como a “lei dos primos.”

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Governo nomeou 219 gestores públicos no ano passado

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião