SIC e TVI ganham audiência em maio, “share” da RTP1 recua

A SIC manteve-se na liderança em maio, conquistando audiência, assim como a TVI. O share da RTP1 cedeu ligeiramente, segundo os dados da GfK/CAEM.

A SIC manteve o estatuto de líder de audiências em maio, um mês em que a concorrente TVI também recuperou quota de mercado. Já o share da RTP1 cedeu ligeiramente, enquanto a quota dos canais por subscrição manteve-se estável no período.

Em maio, o share de audiências diárias da estação generalista do grupo Impresa ganhou 0,6 pontos percetuais face a abril, cifrando-se em 20,7%. O mês também foi positivo para a estação concorrente, do grupo Media Capital, cujo share avançou 0,7 pontos percentuais, para 14,5% no mês agora concluído.

De acordo com a informação da GfK/CAEM, cedida ao ECO pela Impresa, estes avanços acontecem perante os ligeiros retrocessos dos restantes canais. O share da RTP1 recuou 0,4 pontos percentuais, para 11,1%, enquanto a quota dos canais por subscrição manteve-se em 37,1% entre abril e maio.

Agregando pelos três principais grupos de televisão em Portugal, o grupo dos canais SIC liderou as audiências em maio com um share de 24,2%, enquanto os canais do universo TVI alcançaram um share de 17,9% e o grupo de canais públicos da RTP conseguiram 15,3% de share em conjunto.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

SIC e TVI ganham audiência em maio, “share” da RTP1 recua

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião