EDP vende défice tarifário por 273 milhões

  • ECO
  • 14 Julho 2020

EDP Serviço Universal acordou a venda sem recurso de 23,4% do défice tarifário de 2020. Encaixou 273 milhões de euros.

A EDP fez mais uma venda de défice tarifário. Alienou quase um quarto do valor referente a este ano numa operação que lhe permitiu encaixar uma soma próxima dos 300 milhões de euros.

Em comunicado enviado à CMVM, a empresa revela que a EDP Serviço Universal “acordou a venda sem recurso, através de cinco transações individuais, de 23,4% do défice tarifário de 2020 relativo ao sobrecusto com a produção em regime especial, por um montante de 273 milhões de euros“.

“Este défice tarifário resulta do diferimento por cinco anos da recuperação do sobrecusto de 2020 com a aquisição de energia aos produtores em regime especial (incluindo os ajustamentos de 2018 e 2019)”, explica a empresa.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

EDP vende défice tarifário por 273 milhões

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião