Tesla com lucros pelo quarto trimestre. Tem porta aberta para o S&P 500

A empresa liderada por Elon Musk reportou um lucro ajustado de 2,18 dólares por ação, naquele que foi o 4.º trimestre seguido com contas no verde. Anunciou ainda a construção de três fábricas.

A Tesla acelerou e atingiu o quarto trimestre consecutivo de lucros, que a colocam à porta de entrada da principal montra da bolsa: o S&P 500. A fabricante de automóveis elétrica manteve ainda a sua meta de mais de meio milhão de entregas de veículos no ano, apesar das interrupções causadas pela crise do coronavírus.

A empresa liderada por Elon Musk reportou, esta quarta-feira, um lucro ajustado de 2,18 dólares por ação.

Já as suas receitas caíram dos 6,35 mil milhões de dólares registados no ano passado para 6,04 mil milhões de dólares. Este valor supera, contudo, as estimativas dos analistas que esperavam uma receita de 5,37 mil milhões de dólares, segundo dados compilados pela Refinitiv.

“Acreditamos que o progresso que conseguimos na primeira metade deste ao nos posicionou para um segundo semestre de sucesso“, antecipou ainda a construtura de carros elétricos em comunicado. “O output produzido nas nossas fábricas continua a melhorar ao encontro da procura, e estamos a adicionar mais capacidade”, disse ainda a empresa que antecipa ainda construir três novas fábricas simultaneamente em três continentes na fase final do ano.

O sucesso dos resultados empresariais obtidos pela Tesla colocam-na como uma séria candidata a integrar o S&P 500. Tal é viável após quatro trimestres consecutivos de lucros, como a Tesla acaba de conseguir, cabendo apenas ao índice decidir ou não nesse sentido.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Tesla com lucros pelo quarto trimestre. Tem porta aberta para o S&P 500

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião