Mais duas mortes e 253 novos casos de Covid-19, a maioria na região de Lisboa

Aumentou para 54.701 o número de casos de infetados com coronavírus no país. Até ao momento, registam-se 1.786 mortes e 40.129 pessoas recuperadas da doença.

Foram confirmados 253 novos casos de coronavírus em Portugal, elevando para 54.701 o número total de pessoas infetadas com a doença. Nas últimas 24 horas morreram duas pessoas. A região de Lisboa e Vale do Tejo continua a concentrar o maior número de novas infeções, com 62,8% do total.

Entre os casos de infeção, atualmente 12.786 encontram-se ativos, mais 58 do que o dia anterior. Desde que apareceu em Portugal, no início de março, o coronavírus já provocou a morte de 1.786 pessoas. Já quanto ao número de recuperados, situa-se em 40.129 (mais 193 nas últimas 24 horas).

Tal como se tem observado nas últimas semanas, a região de Lisboa e Vale do Tejo concentra a maioria das novas infeções. Dos 253 novos casos registados nas últimas 24 horas, 159 foram nesta região: 62,8% do total do país.

Boletim epidemiológico de 19 de agosto

Do número total de infetados, a maioria está a fazer o tratamento em casa, sendo que 329 pessoas estão internadas (menos sete do que no balanço anterior), das quais 35 nos cuidados intensivos (menos três face a ontem). Há mais de 34 mil contactos sob vigilância das autoridades de saúde.

Lisboa é a região com mais casos registados até ao momento (28.284 casos de infeção e 639 mortes), à frente do Norte (19.637 casos e 840 mortes), do Centro (4.620 casos e 253 mortes), do Algarve (987 casos e 17 mortes) e do Alentejo (851 casos e 22 mortes). Nas ilhas, os Açores registam 187 casos e 15 mortos, enquanto a Madeira tem 135 pessoas infetadas.

De acordo com a ministra da Saúde, o levantamento mais recente indica que Portugal tem neste momento 152 surtos: 44 no Norte, seis no Centro, 74 na região de Lisboa e Vale do Tejo, 15 no Alentejo e 13 no Algarve.

Em declarações aos jornalistas, Marta Temido adiantou ainda que a taxa de incidência para os últimos sete dias fixou-se nos 14,4% novos casos por 100 mil habitantes. Já o índice de transmissibilidade efetiva baixou muito ligeiramente (0,03 pontos percentuais) para 1,01.

“A persistência destes índices merecem-nos a maior atenção e a mensagem é a da manutenção do esforço de combate à doença, na preparação da fase do outono e inverno”, sublinhou a governante.

Mais de 22 milhões de infetados em todo mundo

Já morreram pelo menos 781.194 pessoas devido à Covid-19, que infetou mais de 22 milhões em todo o mundo, desde dezembro, mostra um balanço da agência AFP, baseado em dados oficiais, citado pela agência Lusa. São 13.874.900 os casos que foram considerados curados deste vírus, que já chegou a 196 países e territórios desde o início da epidemia,

Os Estados Unidos são o país mais afetado em termos de mortes e casos, com 171.833 óbitos para 5.482.823 casos, segundo o balanço da Universidade Johns Hopkins. Segue-se o Brasil com 109.888 mortes para 3.407.354 casos, México com 57.774 mortes (531.239 casos), Índia com 52.889 mortes (2.767.273 casos) e Reino Unido Unidos com 41.381 mortes (320.286 casos).

(Notícia atualizada pela última vez às 14h17)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Mais duas mortes e 253 novos casos de Covid-19, a maioria na região de Lisboa

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião