Restaurantes aplaudem adiamento do fim dos descartáveis, mas ambientalistas discordam

  • ECO e Lusa
  • 27 Agosto 2020

A AHRESP insiste no fim de descartáveis em restaurantes em julho de 2021, enquanto a organização ambientalista Zero diz que adiar o fim do plástico descartável na restauração é uma "péssima noticia".

O setor da restauração e similares pode continuar a usar louça de plástico descartável até 31 de março de 2021, uma medida que não é consensual. Enquanto a Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal (AHRESP) aplaude, a organização ambientalista Zero considerou esta quinta-feira ser uma “péssima notícia” a decisão do Governo.

“É uma péssima notícia, porque passa a mensagem errada. Lamentamos a falta de visão e de capacidade de uma estratégia concreta para um país mais sustentável”, disse à Lusa Susana Fonseca, da direção da associação Zero. Susana Fonseca considerou também que é um mau sinal a decisão do Governo, que acontece “na pior altura possível”, quando o país está a retomar a vida em muitas áreas.

Contrariamente à organização ambientalista, a AHRESP, entende que a entrada em vigor da proibição de usar descartáveis nos restaurantes deveria ser adiada para julho de 2021, depois de o Governo ter prorrogado o prazo até março.

No entanto, “embora se tratem de medidas positivas, a AHRESP entende que a prorrogação deveria ter sido coincidente com a data de produção de efeitos da diretiva comunitária relativa à redução do impacto de determinados produtos de plástico no ambiente, que entra em vigor a partir do dia 03 de julho de 2021”.

No início desta semana, a Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal (AHRESP) já tinha pedido que a utilização de louça descartável nos restaurantes só fosse proibida a partir de julho do próximo ano.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Restaurantes aplaudem adiamento do fim dos descartáveis, mas ambientalistas discordam

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião