Ramalho vai ser reconduzido na liderança do Novo Banco

  • ECO
  • 4 Setembro 2020

Mandato de António Ramalho "será renovado através do processo normal, que decorre até ao final do ano", diz Byron Haynes, presidente do Conselho Geral e de Supervisão do Novo Banco.

António Ramalho vai ser reconduzido na liderança do Novo Banco. Byron Haynes, presidente do Conselho Geral e de Supervisão do banco que resultou da resolução do BES, diz, em entrevista ao Expresso (acesso pago), que Ramalho tem 100% do seu apoio, mas também do acionista Lone Star.

O mandato de António Ramalho “será renovado através do processo normal, que decorre até ao final do ano”, disse o responsável, acrescentando que o gestor “tem 100% do meu apoio, do Conselho Geral e de Supervisão (compostos por administradores independentes) e do acionista Lone Star”.

Falando em “sintonia perfeita” com Ramalho, Byron Haynes descartou as críticas à venda acelerada de ativos com perdas avultadas de que o CEO do Novo Banco tem sido alvo, salientando que os pedidos de capital feitos ao Fundo de Resolução “estão em linha com os planos de negócio e de capital acordados com as autoridades”. E garante: “não há partes relacionadas nem conflitos de interesse” nessas operações.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Ramalho vai ser reconduzido na liderança do Novo Banco

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião