OMS já admite vacina contra a Covid-19 no fim deste ano

O diretor-geral da Organização Mundial da Saúde admitiu ter "esperança" de que uma vacina contra a Covid-19 possa chegar ainda este ano. Já há nove vacinas experimentais em testes avançados.

O líder da Organização Mundial da Saúde (OMS) tem “esperança” de que uma vacina contra a Covid-19 possa estar pronta até ao final deste ano. Um raro sinal de otimismo da parte do diretor-geral, Tedros Ghebreyesus.

“Vamos precisar de vacinas e há esperança de que possamos ter uma no final do ano. Há esperança”, afirmou o especialista, após uma reunião do conselho executivo da organização, que teve lugar esta terça-feira.

A declaração surge num momento em que existem nove vacinas experimentais contra a Covid-19 na calha do mecanismo de distribuição COVAX, que é encabeçado pela própria OMS. Esta iniciativa visa garantir a disponibilização de dois mil milhões de doses de vacina até ao final de 2021.

Com a pandemia novamente a ganhar terreno no Ocidente, a OMS tem vindo a ser criticada, nomeadamente por Donald Trump, presidente dos EUA, que considera que a organização simpatiza demasiado com a China. A OMS rejeita estas críticas, embora Alemanha, Reino Unido e Austrália tenham apelado a reformas para reforçar o papel deste organismo internacional.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

OMS já admite vacina contra a Covid-19 no fim deste ano

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião