Costa diz que o Governo está disponível para negociar e “introduzir melhorias” no Orçamento

"É natural que outros partidos queiram ainda introduzir melhorias [à proposta de Orçamento]. Estamos disponíveis para que isso aconteça", disse António Costa.

O Executivo de António Costa diz estar disponível para que “outros partidos” introduzam “melhorias” na proposta de Orçamento do Estado para 2021 apresentada por João Leão esta segunda-feira, na Assembleia da República. Este sinal é dado pelo primeiro-ministro numa altura em que ainda não está garantida a aprovação do documento, com o Bloco de Esquerda a avisar que, como está, a proposta não será viabilizada pelos bloquistas.

“É um bom orçamento. O Governo sempre disse que está disponível para negociar até à votação final global as medidas que permitam melhorar o orçamento. Foi isso que fizemos. O que é essencial das propostas que nos foram apresentadas conta da proposta de lei do Orçamento”, começou por notar o chefe do Executivo.

Mas, “é natural que outros partidos queiram ainda introduzir melhorias. Estamos disponíveis para que isso aconteça“, acrescentou António Costa, à saída do Conselho de Ministros.

A proposta de Orçamento do Estado para 2021 foi apresentada, esta segunda-feira, pelo Governo, estando marcada para 28 de outubro a votação na generalidade.

O Bloco de Esquerda já avisou que, como está o documento, para os bloquistas, não será possível viabilizar a aprovação do documento em questão. Por sua vez, o PCP ainda não indicou qual será o seu sentido de voto.

Tudo somado, ainda não está garantida a aprovação da proposta orçamental. O PS, que conta com 108 deputados, precisa dos votos favoráveis de outros oito parlamentares ou da abstenção de outros 15 para conseguir “luz verde” ao Orçamento do Estado para o próximo ano.

(Notícia em atualizada às 14h20)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Costa diz que o Governo está disponível para negociar e “introduzir melhorias” no Orçamento

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião