Álvaro Sobrinho suspeito de lavar dinheiro desviado do BESA no Sporting

  • ECO
  • 11 Novembro 2020

Em causa está o aumento de capital da Sporting SAD, realizado em 2014, no qual a Holdimo passou a deter quase 30% do capital da Sporting SAD.

Álvaro Sobrinho está a ser investigado pelo Ministério Público por suspeitas de que terá usado dinheiro do Banco Espírito Santo Angola (BESA) para investir no Sporting. Os 20 milhões de euros em questão foram investidos no capital social da Sporting SAD através Holdimo, levando a suspeitas de lavagem de dinheiro, segundo noticia o Correio da Manhã (acesso pago).

O inquérito, no âmbito do qual a Polícia Judiciária realizou buscas ao Sporting na última segunda-feira, foi aberto há mais de dois anos, de acordo com o matutino. Em causa está o aumento de capital da Sporting SAD, realizado em 2014, no qual a Holdimo passou a deter quase 30% do capital da Sporting SAD.

A sociedade do clube de Alvalade já tinha confirmado que “está em causa um alegado crime de branqueamento de capitais referente ao período de 2011 a 2014”. O Correio da Manhã clarifica que o Ministério Público suspeita que Sobrinho tenha legalizado 20 milhões de euros alegadamente desviados do BESA, após ter entrado no capital da Sporting SAD através da conversão do crédito de 20 milhões de euros.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Álvaro Sobrinho suspeito de lavar dinheiro desviado do BESA no Sporting

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião