EDP Renováveis em recorde, EDP sobe 5%. Lisboa avança pela terceira sessão

A bolsa nacional avançou pela terceira sessão consecutiva, numa altura marcada pelo otimismo à volta de uma vacina para a Covid-19. A EDP Renováveis disparou quase 7%.

O otimismo perante os avanços no desenvolvimento da vacina da Pfizer continua a animar os investidores e a prolongar os ganhos das bolsas europeias. A praça lisboeta fechou em alta pela terceira sessão consecutiva, com a EDP Renováveis, que subiu quase 7%, e a EDP, que avançou 5%, a impulsionar o desempenho.

O índice de referência nacional subiu 1,87% para os 4.344,68 pontos. Entre as 17 cotadas do PSI-20, 12 registaram ganhos nesta sessão, enquanto quatro ficaram “no vermelho” e uma – os CTT, permaneceu inalterada.

Nos ganhos, o destaque vai para a família EDP. Enquanto a EDP Renováveis disparou 6,85% para os 17,460 euros, tendo atingido um novo recorde, a EDP subiu 5,16% para 4,582 euros.

EDP Renováveis em máximos

Nota ainda para a REN, que somou 2,86% para os 2,34 euros, e para a Navigator, que ganhou 1,96% para os 2,186 euros.

Já nas perdas, destacou-se a Nos, que perdeu 6,60% para os 2,858 euros, após o Barclays ter cortado a recomendação da ação para underweight (do anterior equalweight) por considerar que o compromisso da Masmovil em entrar no espetro 5G em Portugal terá um impacto negativo nos players existentes e que a contestação do leilão deverá demorar.

A Galp Energia recuou também, numa correção depois de duas sessões de valorizações elevadas, motivadas pela vacina. Os títulos da petrolífera caíram 0,68% para os 8,814 euros nesta sessão.

Pela Europa, o dia foi também de ganhos, com o índice pan-europeu Stoxx 600 a registar uma valorização de 1,2%. O espanhol IBEX 35 avançou 1,5%, enquanto o francês CAC 40 subiu 0,7% e o britânico FTSE 100 ganhou 1,6%. Já o alemão DAX somou 0,5%.

(Notícia atualizada às 17h05)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

EDP Renováveis em recorde, EDP sobe 5%. Lisboa avança pela terceira sessão

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião